IFRR Amajari discute interculturalidade e práticas pedagógicas
Professores da sede do município e comunidades indígenas participam

A abertura do X Encontro Pedagógico do Campus Amajari do Instituto Federal de Educação de Roraima aconteceu na manhã desta quarta-feira, 1º de fevereiro, discutindo "Práticas Pedagógicas e Interculturalidade: saberes integradores para uma Educação Emancipadora na Educação Profissional e Tecnológica", que é o tema desta primeira edição de 2017.

Os professores-doutores Adriane Melo de Castro Menezes e Rodrigo Mesquita, ambos da Universidade Federal de Roraima – UFRR-, conduzem as discussões. O Encontro Pedagógico termina nesta sexta-feira, 03 e acontece durante todo o dia na biblioteca da unidade, com a participação de professores das comunidades indígenas da região e da sede do município.

De acordo com o diretor-geral do CAM, George Sterfson Barros, pela primeira o convite do evento foi estendido ao público externo, como Secretaria Municipal de Educação de Amajari, Escola Estadual Ovídio Dias (Amajari), Escola Santa Luzia (Comunidade Indígena Três Corações), Creiamp (Centro Regional de Educação Indígena do Amajari Noêmia Peres).

A intenção é fortalecer a educação nos três níveis de ensino. “O nosso Encontro Pedagógico vai debater temas importantes para todos os profissionais que atuam na educação, seja ela municipal, estadual ou federal, pois vai discutir a interculturalidade, diversidade cultural, linguística e outros assuntos pertinentes. E a partir deste ano, o convite à comunidade externa será uma prática que vamos adotar”, disse.

O encontro faz parte da programação anual da escola e tem como objetivo proporcionar momentos de integração, reflexão e formação no tocante a relação da prática pedagógica e a interculturalidade no contexto da Educação Profissional e Tecnológica.

Entre professores e a equipe técnico-pedagógica devem participar em torno de 50 profissionais. A coordenadora pedagógica do Campus Amajari, Luana Lobo, destacou que serão abordados temas relevantes ao desenvolvimento de práticas pedagógicas que potencializem a educação intercultural no ensino profissional e tecnológico, por meio de palestras, oficias e grupos de trabalhos.

A coordenadora técnico-pedagógica da Pró-reitoria de Ensino (PROEN), Thays Cristine Carvalho, representou a Reitoria e lembrou que o planejamento do evento vem desde dezembro. “Pedimos contribuições dos colegas, que nos foram dadas e muito úteis, tudo para atender aos anseios de cada um”, afirmou.

PROGRAMAÇÃO

No segundo dia, 02, serão duas oficinas. Uma sobre “Avaliação da aprendizagem e a valorização das diferenças: componentes do ato pedagógico”, com a professora mera Catarina Janira Padilha (Escola Municipal Vovô Dandãe) e a outra, “Planejamento integrado no contexto da diversidade”, com o doutor José Airton da Silva Lima (Universidade Virtual de Roraima – UNIVIRR).

Pela manhã do último dia, a dinâmica será por meio de Grupos de Trabalho, um sobre “Técnicas de ensino e interculturalidade: a (re)construção do fazer pedagógico”, com doutor João Paulino da Silva Neto (UFRR), e “Indisciplina, motivação e aprendizagem: desafios e possibilidades”, com a especialista Virgínia Marne da Silva Araújo dos Santos.

A parte da tarde será destinada ao planejamento coletivo dos docentes com a equipe da Coordenação Pedagógica (COPED), Coordenações de Cursos Técnicos (CCTEC) e Departo de Ensino (DEN).