Ação ao Dia de Combate ao Trabalho Escravo acontece neste sábado na BR 174 sul
O Núcleo de Promoção, Proteção e Atendimento às vítimas de tráfico de pessoas também é parceira da ação

No próximo sábado, dia 28, é lembrado em todo o país o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. E para sensibilizar a população sobre a importância de frear esse tipo de crime no Brasil, membros da rede de proteção à pessoa em Roraima, sob a orientação do Ministério Público do Trabalho realizarão uma ação educativa na saída de boa vista, no posto da Polícia Rodoviária Federal , a partir das 9h, sentido Mucajaí.

O Núcleo de Promoção, Proteção e Atendimento às vítimas de tráfico de pessoas também é parceira da ação. Na ocasião, os motoristas que passarem pela br-174 sentido boa vista, Mucajaí receberão um material com informações sobre o trabalho escravo, as características do crime e a forma como agem os empregadores, bem como as formas de denúncias.

A data homenageia quatro servidores do Ministério do Trabalho e Emprego assassinados enquanto exerciam a função de fiscalização em Unaí, em Minas Gerais (mg), no ano de 2004. O episódio ficou conhecido como a chacina de unaí e, devido a isso, instituiu-se a data 28 de janeiro como momento para discussão da gravidade do trabalho escravo em pleno século 21.

Dados do MTE disponíveis no endereço eletrônico da instituição mostram que em 2015, o órgão realizou 143 operações em combate ao trabalho escravo. Roraima apareceu entre os últimos do ranking, com uma intervenção, um trabalhador em situação de escravidão e 12 autos de infração lavrados.